Aliança Francesa Niterói traz cine-concerto da Arfi para cidade

  Os músicos franceses Xavier Garcia e Jérôme Lopez se apresentarão no dia 20 de maio, no Centro de Artes UFF (Rua Miguel de Frias, 9 – Icaraí). Integrantes da companhia Arfi, criada em Lyon Saiba mais »

Cineclube da Aliança Francesa Niterói retorna ao presencial

Depois de dois anos de sessões virtuais, o cineclube da Aliança Francesa de Niterói volta aos encontros presenciais no dia 29 de maio, sexta-feira, às 18h. Vamos juntos assistir ao filme “Delicioso: Saiba mais »

O amor e o sofrimento das mulheres

Por que mulheres têm tantas queixas na esfera do amor? De se sentirem não amadas, de não receberem tanto afeto quanto gostariam ou simplesmente por estarem sozinhas? Por que mulheres que são Saiba mais »

 

Aliança Francesa Niterói traz cine-concerto da Arfi para cidade

metropolis

 

Os músicos franceses Xavier Garcia e Jérôme Lopez se apresentarão no dia 20 de maio, no Centro de Artes UFF (Rua Miguel de Frias, 9 – Icaraí). Integrantes da companhia Arfi, criada em Lyon em 1977, eles farão o acompanhamento musical, ao vivo, de dois filmes mudos clássicos: Steamboat, de Charles Reisner, às 16h, e Buster Keaton, e Metropolis, de Fritz Lang, às 20h. Os ingressos serão vendidos por R$ 8,00 (preço único promocional) na bilheteria. A Aliança Francesa está entre as instituições que promovem o cine-concerto.

Cineclube da Aliança Francesa Niterói retorna ao presencial

cineclube

Depois de dois anos de sessões virtuais, o cineclube da Aliança Francesa de Niterói volta aos encontros presenciais no dia 29 de maio, sexta-feira, às 18h. Vamos juntos assistir ao filme “Delicioso: da cozinha para o mundo”, que conta a história de um chef que acabou de perder o emprego e encontra forças para abrir seu próprio restaurante após conhecer uma jovem.

Dirigido por Eric Besnard, Délicieux se passa às vésperas da Revolução Francesa e traz comédia, drama e história. No elenco estão Grégory Gadebois, Isabelle Carré e Benjamin Lavernhe. A sessão será em francês, com legendas em português. No fim da projeção haverá um bate-papo informal. Com entrada franca, o evento é sujeito a lotação. Esperamos vocês!

O amor e o sofrimento das mulheres

mulheres

Por que mulheres têm tantas queixas na esfera do amor? De se sentirem não amadas, de não receberem tanto afeto quanto gostariam ou simplesmente por estarem sozinhas? Por que mulheres que são mães carregam tanta culpa? E as que não são, por que se sentem na obrigação de estarem disponíveis a cuidar dos demais? A professora doutora Valeska Zanello traz essas questões no livro “Saúde Mental, Gênero e Dispositivos: Cultura e Processos de Subjetivação (editora Aprris)”.

Valeska Zanello, professora adjunta do Departamento de Psicologia Clínica da Universidade de Brasília, tem se dedicado a estudar e compreender os processos de subjetivação que se configuraram historicamente em nossa cultura, no Brasil, e como mulheres e homens se subjetivam, sofrem e se expressam de formas diferentes. O livro é resultado de 13 anos de pesquisas na área de saúde mental, sob a perspectiva de gênero, e de 20 anos de experiência como psicoterapeuta clínica.